Décimo quarto domingo do tempo comum

Hoje a Igreja celebra o décimo quarto domingo do tempo comum.

Louvar o Senhor... dar graças ao seu Nome santo... mesmo quando não apetece, quando o coração se fecha na tristeza ou na dor. Pode ser um louvor sofrido, um agradecer magoado... o importante é o coração não ficar fechado a Deus e ao seu amor. A oração é a forma mais pessoal de seguir este caminho da gratidão, em diálogo com Deus, mesmo quando apenas tens queixas para Lhe apresentar. Pede ao Senhor que coloque no teu coração sentimentos de louvor e gratidão, também por poderes celebrar este domingo e a ressurreição do Senhor. E começa assim a tua oração.

O Salmista convida-te a adorar o Senhor, a aclamar o Senhor. [ Sl 65 (66), 1-3a.4-5.6-7a.16 e 20] Aclamai a Deus, terra inteira, cantai a glória do seu nome, celebrai os seus louvores, dizei a Deus: «Maravilhosas são as vossas obras». A terra inteira Vos adore e celebre, entoe hinos ao vosso nome. Vinde contemplar as obras de Deus, admirável na sua ação pelos homens. Mudou o mar em terra firme, atravessaram o rio a pé enxuto. Alegremo-nos n’Ele: domina eternamente com o seu poder. Todos os que temeis a Deus, vinde e ouvi, vou narrar-vos quanto Ele fez por mim. Bendito seja Deus que não rejeitou a minha prece, nem me retirou a sua misericórdia.

Faz tuas as palavras do Salmista e reza muitas vezes: “Aclamai a Deus terra inteira, aclamai a glória do seu nome”.

O Salmo faz-te cair na conta que as obras do Senhor são maravilhosas e que toda a terra deve aclamá-Lo. O domingo, dia do Senhor, é ocasião providencial para O louvar, aclamar, bendizer. Que não cesse nunca a tua adoração, o teu louvor. Une-te à criação inteira e canta as maravilhas do Senhor.

Ao ouvir novamente o salmo em teu coração, deixa ecoar a sabedoria da Palavra dentro de ti e alegra-te por poderes aclamar o Senhor.

Neste domingo, dia de festa e de Páscoa, vai repetindo sem cessar: “a terra inteira louve e aclame o Senhor”. Vai dizendo no mais profundo de ti mesmo: “maravilhosas são as suas obras”. Vai tentando descobrir as maravilhas de Deus.

Pai nosso que estais nos céus santificado seja o vosso nome venha a nós o vosso Reino seja feita a vossa vontade assim na terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje perdoai-nos as nossas ofensas assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido e não nos deixeis cair em tentação mas livrai-nos do mal.