Décimo terceiro Domingo do Tempo Comum

Hoje a Igreja celebra o décimo terceiro Domingo do Tempo Comum. 

É o Senhor que faz de ti seu filho. 
É a graça de Deus que te guia e te conduz à vida plena. 
Não é pelos teus méritos que Deus é teu Pai..., não é pelas tuas boas obras que o Senhor te conduz à vida eterna. É por Amor. É porque Ele te ama que decide ser teu Pai. Se tu quiseres, podes aceitar o seu desafio e viver como filho de Deus. 
Pede-Lhe a graça de reconheceres a sua presença na tua vida para O poderes seguir a cada dia. Assim, vale a pena começares a tua oração. 

 

 

Vais ouvir um salmo de confiança em Deus. Dispõe o teu coração para receber as palavras do salmista e deixar que elas se entranhem em ti.
 
Salmo 15 (16), 1-2a.5.7-8.9-10.11]
Defendei-me, Senhor: Vós sois o meu refúgio. 
Digo ao Senhor: «Vós sois o meu Deus».
Senhor, porção da minha herança e do meu cálice, 
está nas vossas mãos o meu destino.

Bendigo o Senhor por me ter aconselhado, 
até de noite me inspira interiormente.
O Senhor está sempre na minha presença, 
com Ele a meu lado não vacilarei.

Por isso o meu coração se alegra e a minha alma exulta, 
e até o meu corpo descansa tranquilo.
Vós não abandonareis a minha alma
na mansão dos mortos,
nem deixareis o vosso fiel sofrer a corrupção.

Dar-me-eis a conhecer os caminhos da vida, 
alegria plena na vossa presença,
delícias eternas à vossa direita. 

 

Pontos de oração

Repete com o salmista:
– Defendei-me, Senhor: Vós sois o meu refúgio...
– Está nas vossas mãos o meu destino...

Quando a tua confiança em Deus cresce, já não precisas de pensar se Ele existe, se te acompanha ou se a sua mão te segura. A confiança liga-te a Deus e isso basta. Sabes que em cada momento Deus zela pelo teu bem e pelo teu crescimento.

Enquanto ouves de novo o salmo, repara como o autor se refere ao coração, à alma e ao corpo. 
A experiência de Deus não se limita só ao espaço da razão, nem só ao âmbito das emoções ou das sensações: é uma experiência integral, que implica todas as dimensões daquilo que és.

Deus criou o mundo mas também o cria a cada momento. Assim também contigo. Durante esta semana, abre o teu coração ao que o Senhor te queira ensinar.

 

Colóquio final

Pai nosso que estais nos céus
santificado seja o vosso nome
venha a nós o vosso Reino
seja feita a vossa vontade
assim na terra como no Céu.
O pão nosso de cada dia nos dai hoje
perdoai-nos as nossas ofensas
assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido
e não nos deixeis cair em tentação
mas livrai-nos do mal.