Festa dos Arcanjos S. Miguel, S. Gabriel e S. Rafael

Hoje é dia vinte e nove de setembro, festa dos Arcanjos S. Miguel, S. Gabriel e S. Rafael.

Deus cuida sempre de ti, 
nunca afasta de ti o seu olhar. 
Mas tu nem sempre te dás conta da sua presença. 
Por vezes, experimentas a tentação de pensar que Deus não quer saber de ti
nem do que é importante para ti.
Pede ao Senhor
a graça de acreditares sempre no seu amor... e começa assim a tua oração.

 

Escuta esta passagem do Evangelho segundo São João. [Ev Jo 1, 47-51] 

Jesus viu Natanael, que vinha ao seu encontro, e disse:
«Eis um verdadeiro israelita,
em quem não há fingimento».
Perguntou-lhe Natanael: «De onde me conheces?».
Jesus respondeu-lhe:
«Antes que Filipe te chamasse,
Eu vi-te quando estavas debaixo da figueira».
Disse-lhe Natanael:
«Mestre, Tu és o Filho de Deus,
Tu és o Rei de Israel!».
Jesus respondeu:
«Porque te disse: ‘Eu vi-te debaixo da figueira’, acreditas.
Verás coisas maiores do que estas».
E acrescentou: «Em verdade, em verdade vos digo:
Vereis o Céu aberto
e os Anjos de Deus subindo e descendo
sobre o Filho do homem». 

 

Pontos de oração

Natanael vem ao encontro de Jesus mas, antes, já o Senhor o tinha visto debaixo da figueira.  É o olhar atento de Jesus a distinguir cada pessoa entre a multidão.
Jesus continua a olhar assim, atento, para cada um. Pondera como olha o Senhor para ti.

O Senhor terá achado graça à resposta de Natanael e diz-lhe: "Hás de ver coisas maiores do que estas!". Confirma, assim, as promessas do Antigo Testamento e reforça o seu papel no cumprimento dessas promessas. É um bom pretexto para reveres as graças que tens recebido. 

Enquanto ouves o Evangelho uma segunda vez repara no diálogo e nas nuances emocionais que lhe dão cor.

 

Colóquio final

Termina a tua oração pedindo ao Senhor que te ajude a reconhecer as graças recebidas, que são manifestação da glória de Deus na tua vida. 

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre. Ámen.