DOMINGO III DO ADVENTO

Hoje a Igreja celebra o terceiro domingo do Advento.

Imagina que estás à espera de alguém muito querido
e não consegues deixar de pensar nisso.
A tua oração também pode ser assim:
vais celebrar o nascimento de Jesus e não consegues deixar de pensar nisso.
Pede ao Senhor
a graça de aguardares com alegria a celebração do seu Natal.
A alegria que nasce da fé,
se alimenta da esperança
e dá frutos de caridade.
Com este desejo, deixa-te ficar em paz no coração de Deus...
e começa assim a tua oração.

Hoje vais ouvir um poema de agradecimento e louvor. Tem presente alguma coisa boa da tua vida e agradece a Deus com a força e a alegria das palavras de Isaías que vais escutar.

[Is 12, 2-3.4bcd.5-6]

Deus é o meu Salvador,
tenho confiança e nada temo.
O Senhor é a minha força e o meu louvor.
Ele é a minha salvação.

Tirareis água com alegria das fontes da salvação.
Agradecei ao Senhor, invocai o seu nome;
anunciai aos povos a grandeza das suas obras,
proclamai a todos que o seu nome é santo.

Cantai ao Senhor, porque Ele fez maravilhas,
anunciai-as em toda a terra.
Entoai cânticos de alegria, habitantes de Sião,
porque é grande no meio de vós o Santo de Israel.

Repete algumas destas palavras de louvor, procurando associá-las à experiência da tua vida:

– tenho confiança e nada temo;

– anunciai aos povos a grandeza das suas obras;

– Ele fez maravilhas, anunciai-as em toda a terra.

Não é espontâneo sair dos interesses do nosso pequeno mundo, mas faz um esforço! Que maravilhas vês à tua volta, na tua cidade ou país, ou mesmo em todo o mundo? Agradece e louva a Deus por elas, em nome de todos nós.

Agora que vais ouvir de novo a oração do profeta Isaías, repara como a alegria e a confiança surgem quando se reconhecem as grandes coisas que o Senhor fez. O conhecimento do passado alimenta a confiança no futuro. Acompanha o profeta e procura sentir-te parte de uma grande História, a História da Salvação.

Procura que a alegria e a confiança te acompanhem ao longo da próxima semana. Inspirado pelas palavras de Isaías, enche-te de coragem e confiança, pois o Senhor fará grandes coisas contigo.

Pai nosso que estais nos céus
santificado seja o vosso nome
venha a nós o vosso Reino
seja feita a vossa vontade
assim na terra como no Céu.
O pão nosso de cada dia nos dai hoje
perdoai-nos as nossas ofensas
assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido
e não nos deixeis cair em tentação
mas livrai-nos do mal.