Quarta-feira da III semana da Quaresma

Hoje é dia dois de Março, quarta-feira da terceira semana da Quaresma.

Da Comunidade de Taizé, estás a escutar: Seigneur, Tu gardes mon ame.

Levas sempre contigo, 
mais presente ou mais escondido, 
um desejo de vida em plenitude. 
Este desejo nunca te abandona, 
mesmo quando o abafas com as preocupações de cada dia. 
É um desejo que se exprime na oração, 
quando te colocas na presença de Deus
e sentes que Ele pode preencher a tua vida, 
se tu deixares. 
Pede ao Senhor a graça de estares disponível para a plenitude que Ele é... 
e começa assim a tua oração

 

Escuta esta passagem do livro do Deuteronómio. [L 1 Deut 4, 1.5-9]

Moisés falou ao povo, dizendo:
«Agora, Israel,
escuta os preceitos que vos dou a conhecer
e põe-nos em prática,
para que vivais e entreis na posse da terra que vos dá o Senhor,
Deus dos vossos pais.
Ensinei-vos estas leis e preceitos,
conforme o Senhor, meu Deus, me ordenara,
a fim de os praticardes na terra de que ides tomar posse. 
Observai-os e ponde-os em prática,
porque eles serão a vossa sabedoria e a vossa prudência
aos olhos dos povos,
que, ao ouvirem falar de todas estas leis, dirão:
‘Que povo tão sábio e prudente é esta grande nação!’. 
Qual é, na verdade, a grande nação que tem a divindade tão perto de si
como está perto de nós o Senhor, nosso Deus,
sempre que O invocamos?
E qual é a grande nação que tem mandamentos e decretos tão justos
como esta lei que hoje vos apresento?
Mas tende cuidado; prestai atenção
para não esquecer tudo quanto viram os vossos olhos,
nem o deixeis fugir do pensamento em nenhum dia da vossa vida. 
Ensinai-o aos vossos filhos e aos filhos dos vossos filhos».

 

Pontos de Oração

A lei não é uma imposição. É um dom que te predispõe a acolher todos os benefícios de Deus. A lei não é uma abstracção. É um convite a entrares numa experiência de relação para que o teu olhar encontre tudo o que Deus te quer manifestar. 

Diz a leitura: «... para não esquecer tudo quanto viram os vossos olhos, nem o deixeis fugir do pensamento em nenhum dia da vossa vida». 
O grande desejo de Deus é que a tua história seja memória viva da lei que Jesus cumpriu plenamente. Deixa que esse desejo dê forma e consistência aos teus gestos quotidianos.

Procura sentir nas palavras de Moisés o seu empenho para que o povo adira à palavra libertadora que Deus lhe dirige.

 

Colóquio final

 Pede a Deus que luz da sua lei ilumine os teus olhos para que eles possam ver mais além de toda a aparência. 

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre. Ámen.