Quarta-feira da nona semana do Tempo Comum

Hoje é dia seis de junho, quarta-feira da nona semana do Tempo Comum.

A oração é o caminho e o meio vital
que permitem acolher o sinal maior de uma vida cristã:
a liberdade para amar.
É na escola da oração que os medos se tornam relativos,
as mãos se abrem para partilhar,
e a mente se renova na abertura do Espírito.
Que o silêncio e a escuta sejam para ti
os passos e passagens de uma oração fecunda.

 

Escuta esta passagem da Segunda Epístola de São Paulo a Timóteo. [2 Tim 1, 1-3.6-12]

Paulo, apóstolo de Jesus Cristo por vontade de Deus,
para anunciar a promessa da vida que está em Cristo Jesus,
a Timóteo, meu filho caríssimo: a graça, a misericórdia e a paz
da parte de Deus Pai e de Cristo Jesus, Nosso Senhor.
Dou graças a Deus,
a quem sirvo com pura consciência,
a exemplo dos meus antepassados,
quando, noite e dia, sem cessar,
me recordo de ti nas minhas orações.
Por isso te exorto a que reanimes o dom de Deus
que recebeste pela imposição das minhas mãos.
Deus não nos deu um espírito de timidez,
mas de fortaleza, de caridade e moderação.
Não te envergonhes de dar testemunho de Nosso Senhor,
nem te envergonhes de mim, seu prisioneiro;
mas sofre comigo pelo Evangelho,
confiando no poder de Deus.
Ele salvou-nos e chamou-nos à santidade,
não em virtude das nossas obras,
mas do seu próprio desígnio e da sua graça.
Esta graça, que nos foi dada em Cristo Jesus,
desde toda a eternidade, manifestou-se agora
pelo aparecimento de Cristo Jesus, nosso Salvador,
que destruiu a morte e fez brilhar a vida e a imortalidade,
por meio do Evangelho,
do qual eu fui constituído pregador, apóstolo e mestre.
É por esse motivo que eu suporto os sofrimentos,
mas não me envergonho;
porque sei em quem pus a minha confiança
e estou certo de que Deus tem poder
para guardar a missão que me foi confiada até ao último dia. 

 

São Paulo convida Timóteo a reanimar o dom de Deus que recebeu, a reanimar a presença do Espírito Santo dentro dele. 
Toma consciência de que também tu, pelo Batismo, recebeste o espírito de fortaleza, de caridade e de moderação. 

O Espírito Santo dá-te a fortaleza para testemunhares a tua Fé em Jesus Cristo. 
Experimentas isto? Como podes reanimar o dom de Deus? 

Ouve de novo as palavras de São Paulo. Hoje, elas são para ti. 

 

Saboreia as palavras que mais te tocaram e fá-las oração. 

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre. Ámen.