Quinta-feira da vigésima oitava semana do Tempo Comum

Hoje é dia dezoito de outubro, festa litúrgica de São Lucas, Evangelista.

Hoje, a Igreja faz memória do Evangelista Lucas.
Homem culto, de grande sensibilidade, companheiro de São Paulo...
a ele devemos um Evangelho e os Atos dos Apóstolos.
Lucas é uma das pedras que constituem o alicerce da Igreja.
Foram mulheres e homens de carne e osso, como Lucas,
que deram os primeiros passos
para que o Evangelho do Senhor Jesus chegasse até aos dias de hoje.
Agora, é a tua vez de levar por diante o Evangelho.
Medita nesta responsabilidade... e começa assim a tua oração.

Escuta esta passagem do Evangelho segundo São Lucas. [Ev Lc 10, 1-9]

O Senhor designou setenta e dois discípulos
e enviou-os dois a dois à sua frente,
a todas as cidades e lugares aonde Ele havia de ir.
E dizia-lhes:
«A seara é grande, mas os trabalhadores são poucos.
Pedi ao dono da seara
que mande trabalhadores para a sua seara.
Ide: Eu vos envio como cordeiros para o meio de lobos.
Não leveis bolsa nem alforge nem sandálias,
nem vos demoreis a saudar alguém pelo caminho.
Quando entrardes nalguma casa,
dizei primeiro: ‘Paz a esta casa’.
E se lá houver gente de paz,
a vossa paz repousará sobre eles;
senão, ficará convosco.
Ficai nessa casa, comei e bebei do que tiverem,
que o trabalhador merece o seu salário.
Não andeis de casa em casa.
Quando entrardes nalguma cidade e vos receberem,
comei do que vos servirem,
curai os enfermos que nela houver
e dizei-lhes: ‘Está perto de vós o reino de Deus’».

No Evangelho segundo S. Lucas, há dois envios em missão: no capítulo 9, Jesus envia os
12 discípulos; no capítulo 10, Jesus envia um grupo alargado de 72 discípulos, símbolo da
totalidade dos discípulos, enviados em todos os tempos pelo Senhor para anunciar o seu
Reino.
Não estás sozinho nesta aventura. Mas é-te pedido que vás à frente, a abrir caminho, a
preparar a vinda do próprio Jesus!

"A seara é grande, mas os trabalhadores são poucos. Pedi ao dono da seara que mande
trabalhadores para a sua seara".
Jesus pede-te que "vistas a camisola" do reino de Deus – que faças teu o sonho de Deus.
E é suposto que insistas junto d'Ele para enviar mais trabalhadores, pois não és um
funcionário, és filho do dono da seara.
O teu cristianismo é uma formalidade ou um compromisso de corpo inteiro?

Escuta novamente o Evangelho. Presta atenção ao modo como Jesus te envia: em total
despojamento, sem carteira, sem mochila nem mala... Escuta e imagina-te assim,
anunciando o reino de Deus e levando aos irmãos a sua paz.

Pede a graça de assumires o sonho de Deus, em vista da vida plena, a ser levada a
todos.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre. Ámen.