Quinta-feira da trigésima segunda semana do Tempo Comum

Hoje é dia quinze de novembro, quinta-feira da trigésima segunda semana do tempo comum.

A oração pode ser o serviço de urgência de uma vida sem sentido
e pode ser o sofá confortável de uma vida tranquila,
nos caminhos de Deus.
Com frequência, é as duas coisas:
serviço de urgência e sofá, tudo ao mesmo tempo, tudo misturado...
porque a vida é esta alternância
entre um coração que grita desesperado
e repousa tranquilo no coração de Deus.
Não estranhes se te sentires assim.
Confia no Senhor... e começa a tua oração.

Escuta esta passagem do Evangelho segundo São Lucas. [Ev Lc 17, 20-25]

Os fariseus perguntaram a Jesus
quando viria o reino de Deus
e Ele respondeu-lhes, dizendo:
«O reino de Deus não vem de maneira visível,
nem se dirá: ‘Está aqui ou ali’;
porque o reino de Deus está no meio de vós».
Depois disse aos seus discípulos:
«Dias virão em que desejareis ver um dia do Filho do homem e não o vereis.
Hão de dizer-vos: ‘Está ali’, ou ‘Está aqui’.
Não queirais ir nem os sigais.
Pois assim como o relâmpago,
que faísca dum lado do horizonte e brilha até ao lado oposto,
assim será o Filho do homem no seu dia.
Mas primeiro tem de sofrer muito e ser rejeitado por esta geração».

Jesus hoje diz-nos: “O Reino de Deus está no meio de vós”.
Pede ao Senhor a graça de hoje O reconheceres presente em quem se cruzar contigo, presente em ti, presente no mundo.

Pede a Deus a graça de ver o seu Reino construir-se e de participar na sua construção.
Como? Onde? De que maneira?

Ouve de novo as palavras de Jesus.

Numa conversa final, entrega ao Senhor todas as situações em que ainda não vês presente o seu Reino.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre. Ámen.