Quinta-feira da primeira semana do Advento

Hoje é dia um de Dezembro, quinta-feira da primeira semana do Advento.

O Senhor compadeceu-Se de nós. 
Estamos a uma distância infinita d’Ele, 
somos pequeninos... 
não somos nada sem Ele...
não somos nada sem o Amor...
Mas, porque nos ama, somos seus filhos, somos dignos, temos uma dignidade divina. 
É a graça de Deus que em ti assegura a tua dignidade divina. Esta dignidade manifesta-se no servir, no ser pequenino, no estar para o outro. A Graça ajuda-te a perceber que é aí que está a tua divindade e não como o mundo a pensa. 
Recorda-te que és de Deus e só N’Ele o teu coração encontra a paz. Assim, vale a pena começares a tua oração. 

 

Escuta esta passagem do Evangelho segundo São Mateus. [Ev Mt 7, 21.24-27]

Disse Jesus aos seus discípulos:
«Nem todo aquele que Me diz ‘Senhor, Senhor’
entrará no reino dos Céus,
mas só aquele que faz a vontade de meu Pai que está nos Céus.
Todo aquele que ouve as minhas palavras
e as põe em prática
é como o homem prudente
que edificou a sua casa sobre a rocha.
Caiu a chuva, vieram as torrentes
e sopraram os ventos contra aquela casa;
mas ela não caiu, porque estava fundada sobre a rocha.
Mas todo aquele que ouve as minhas palavras
e não as põe em prática
é como o homem insensato
que edificou a sua casa sobre a areia.
Caiu a chuva, vieram as torrentes
e sopraram os ventos contra aquela casa;
ela desmoronou-se e foi grande a sua ruína».

 

Pontos de oração

O Evangelho de hoje lembra que a fé não é uma bela teoria ou um ideal, mas que tem de se manifestar na prática da vida. Acreditar em Jesus e na sua palavra quer dizer viver de acordo com o que Ele ensina. 
Apesar de muitas falhas que possas ter, a tua vida é coerente com a tua fé?

Jesus falava do amor a Deus e ao próximo. Tens posto em prática o amor ao próximo, especialmente em relação às pessoas mais necessitadas? Ainda que não te seja possível fazer muito por estas pessoas, és pelo menos sensível aos seus problemas?

Ouvindo de novo as palavras de Jesus, pensa que todas as tuas atitudes e ações são, na prática, a construção de uma vida. A tua vida vai sendo construída segundo os critérios de Jesus ou contra esses critérios. Mas, quando a vida segue outros critérios, percebe-se que a fé em Jesus é uma fé morta.

 

Colóquio final

Conclui a tua oração pedindo a Deus que te dê força e coragem para seres coerente com a tua fé. Se há alguma situação que te seja mais difícil, pede-Lhe ajuda para vivê-la segundo os critérios de Jesus.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre. Ámen.