Quinta-feira da primeira semana da Quaresma

Hoje é dia catorze de março, quinta-feira da primeira semana da quaresma.

A oração não tem segredos.
Ou melhor, o segredo da oração é não ter segredos
e estar ao alcance de qualquer um:
basta querer encontrar-se com o Senhor,
pois Ele está sempre disponível para Se encontrar connosco.
Mas, como bem sabes,
esta disponibilidade de Deus nem sempre encontra resposta da tua parte.
Por vezes, os teus interesses estão bem longe de Deus
e muito centrados em ti e nas tuas coisas.
Hoje, não deixes que seja assim.
Agradece ao Senhor este encontro com Ele...
e começa assim a tua oração.

Escuta esta passagem do Evangelho segundo São Mateus. [Ev Mt 7, 7-12)

Disse Jesus aos seus discípulos:
«Pedi e dar-se-vos-á,
procurai e encontrareis,
batei à porta e abrir-se-vos-á.
Porque todo aquele que pede recebe,
quem procura encontra
e a quem bate à porta abrir-se-á.
Qual de vós dará uma pedra a um filho que lhe pede pão,
ou uma serpente se lhe pedir peixe?
Ora, se vós que sois maus,
sabeis dar coisas boas aos vossos filhos,
quanto mais o vosso Pai que está nos Céus
as dará àqueles que Lhas pedem!
Portanto, o que quiserdes que os homens vos façam
fazei-lho vós também:
esta é a Lei e os Profetas».

Pede e receberás. Procura e encontrarás. Bate à porta e abrir-se-te-á. Aquele que pede, procura e bate à porta, será atendido. O que te faz mais falta na vida? Este Evangelho pode levar-te a pensar qual a tua maior necessidade. Entra no silêncio do teu coração e conversa com Jesus sobre o que mais te convém.

Jesus, que vê o fundo dos corações, sabe que cada um dos seus filhos precisa da Felicidade e da Paz. É esse o “tudo” que Ele te convida a pedir-Lhe. Não um carro ou mais um vestido. Isso é o que dão os pais da terra, porque não percebem que não há nada de material que te leve à máxima alegria e à profunda Felicidade.

Ao voltares a ouvir este Evangelho, talvez o que primeiro te vem à ideia é pedir alguma coisa material. Mas, pensa: é isso que te vai fazer feliz? O que queres da vida, afinal?

Neste dia, pede ao Senhor insistentemente, com o coração inteiro, que faça de ti um louco necessitado de Amor, um louco buscador da Paz, um louco aprendiz do perdão. E não precisarás de procurar mais nada porque já recebeste, já encontraste e a porta já se te abriu.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre. Ámen.