Quinta-feira da quinta semana do tempo pascal

Hoje é dia vinte e três de maio, quinta-feira da quinta semana do tempo pascal.

Escolheste a hora e o local e vais dar início à tua oração. Toma consciência de como Deus age contigo, respeitando a tua liberdade, o teu ritmo, as tuas possibilidades. É quase impensável, mas é assim: o Deus todo-poderoso não Se impõe, simplesmente fica disponível, esperando por ti. Agora é a tua vez de ficar disponível para acolher este Deus que te ama infinitamente. Diz-lhe: “Aqui estou, Senhor”... e começa assim a tua oração.

Escuta esta passagem do Evangelho segundo São João. [Ev Jo 15, 9-11]

Jesus disse aos seus discípulos: «Assim como o Pai Me amou, também Eu vos amei. Permanecei no meu amor. Se guardardes os meus mandamentos, permanecereis no meu amor, assim como Eu tenho guardado os mandamentos de meu Pai e permaneço no seu amor. Disse-vos estas coisas, para que a minha alegria esteja em vós e a vossa alegria seja completa».

A Boa Nova é uma única e desarmante verdade: és amado por Deus, não porque és bom, mas porque Ele é bom. E Deus ama-te com o mesmo amor com que ama o seu filho Jesus Cristo. Tens consciência deste amor de Deus por ti? Como correspondes a esta dádiva gratuita?

A experiência do amor de Deus vive-se, em primeiro lugar, na oração. Que tempo dedicas à oração? Depois de rezar, sentes-te mais unido a Deus?

A intimidade com Deus traz alegria. É assim que te sentes ao escutar esta passagem do Evangelho?

No diálogo que agora vais ter com o Senhor pede-Lhe que te ensine a amar sempre, mais e melhor.