Quinta-feira da segunda semana do Tempo Pascal

Hoje é dia vinte e sete de abril, quinta-feira da segunda semana do Tempo Pascal. 

A oração conduz-nos num caminho de unidade.
É na experiência da oração
que a nossa vida se liberta, passo a passo,
de todas as divisões e dicotomias que nela traçamos.
Nela descobres que a vida espiritual
não é tanto um conjunto de práticas e momentos pontuais
que se adicionam aos teus dias,
mas é a tua própria vida, em todas as suas dimensões,
que se deixa configurar pela ação do Espírito de Jesus.
Coloca os teus passos e gestos no caminho do Senhor,
e começa assim a tua oração.

 

Escuta esta passagem do livro dos Atos dos Apóstolos. [L 1 Atos 5, 27-33] 

O comandante do templo e os guardas trouxeram os Apóstolos
e fizeram-nos comparecer diante do Sinédrio.
O sumo sacerdote interpelou-os, dizendo:
«Já vos proibimos formalmente de ensinar em nome de Jesus;
e vós encheis Jerusalém com a vossa doutrina
e quereis fazer recair sobre nós o sangue desse homem».
Pedro e os Apóstolos responderam:
«Deve obedecer-se antes a Deus que aos homens.
O Deus dos nossos pais ressuscitou Jesus,
a quem vós destes a morte, suspendendo-O no madeiro.
Deus exaltou-O pelo seu poder, como Chefe e Salvador,
a fim de conceder a Israel
o arrependimento e o perdão dos pecados.
E nós somos testemunhas destes factos,
nós e o Espírito Santo
que Deus tem concedido àqueles que Lhe obedecem».
Exasperados com esta resposta, decidiram dar-lhes a morte. 

 

Pontos de oração

Homens sem cultura enfrentam os sábios do mundo. Não pecam por falta de coragem. Mas donde vem esta força inabalável? Do Espírito Santo! Da certeza da fé na Ressurreição de Jesus. 
Que medos te assaltam? Identifica um deles.

A obediência à vontade de Deus é a fonte da verdadeira liberdade. És livre na medida em que fizeres tua a vontade do Senhor. Como Pedro e os Apóstolos, se fores testemunha da alegria e do perdão. Pede ao Senhor que te liberte.

Escuta de novo o Livro dos Atos dos Apóstolos e imagina a cena: ameaças, tribunal, decretos… Como te sentirias em semelhante situação? Parece que não havia advogado de defesa. Só acusação. 
Pode acontecer-te algo parecido. Não temas! O Espírito do Pai falará por ti.

 

Colóquio final

Conversa com Jesus. Pede ao Espírito Santo o dom da fortaleza. Com Nossa Senhora junto à Cruz, permanece na verdade do amor incondicional de Deus.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre. Ámen.