Quinta-feira da trigésima segunda semana do Tempo Comum

Hoje é dia dezasseis de novembro, quinta-feira da trigésima segunda semana do Tempo Comum.

Vivemos à procura, perdidos e afastados,
de um Reino que nos faça saborear as respostas.
Perguntamos sobre o onde e o quando,
distraídos, no meio dos ritmos, estímulos e flashes
da sociedade que construímos.
E o essencial está já no meio de nós,
na criança que nos pede o abraço,
no silêncio que pede um pouco do nosso tempo,
no pão, partido e repartido pelas colinas.
Que a tua oração, quotidiana e incessante, 
te ensine, na sua pedagogia,
a difícil arte do discernimento e da confiança. 

 

Escuta esta passagem do Evangelho segundo São Lucas. [Ev Lc 17, 20-25] 

Os fariseus perguntaram a Jesus
quando viria o reino de Deus
e Ele respondeu-lhes, dizendo:
«O reino de Deus não vem de maneira visível,
nem se dirá: ‘Está aqui ou ali’;
porque o reino de Deus está no meio de vós».
Depois disse aos seus discípulos:
«Dias virão em que desejareis ver um dia do Filho do homem
e não o vereis.
Hão de dizer-vos: ‘Está ali’, ou ‘Está aqui’.
Não queirais ir nem os sigais.
Pois assim como o relâmpago,
que faísca dum lado do horizonte e brilha até ao lado oposto,
assim será o Filho do homem no seu dia.
Mas primeiro tem de sofrer muito e ser rejeitado por esta geração». 

 

Pontos de oração

O reino de Deus consiste em relações radicalmente novas, de cada homem com Deus e dos homens uns com os outros. O reino de Deus não está aqui ou ali, pois não é exterior – não é mais uma coisa, instituição, sistema político no meio de tantos outros. O reino de Deus está, vai acontecendo no meio de nós! É a vida em Deus, que descobres dentro de ti, na tua comunidade cristã e no estreitar de laços com os oprimidos deste mundo. 

“Dias virão em que desejareis ver um dia do Filho do Homem e não o vereis”.
Às vezes sentes-te completamente perdido na noite, como se Deus se tivesse varrido totalmente do teu horizonte. Mas isto também faz parte do caminho da vida: permite-te purificar a tua imagem de Deus e conduz-te mais dentro da comunhão com Ele. Toma consciência dos eclipses de Deus na tua vida!

Escuta novamente o Evangelho: “Assim como o relâmpago… assim será o Filho do homem no seu dia.” 
Quando o Senhor entra em tua casa, dás por ti totalmente transformado pela sua presença. Procura tomar mais consciência do Senhor na Eucaristia e nos seus frutos na tua vida! 

 

Colóquio final

Pede ao Senhor que te ajude a abrires-te realmente ao seu Reino.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre. Ámen.