Quinta-feira da vigésima nona semana do tempo comum

Hoje é dia vinte de outubro, quinta-feira da vigésima nona semana do tempo comum.

Na tua oração, nunca estás sozinho. 
És membro de uma comunidade imensa, 
que abarca o passado e o presente e se projeta na eternidade de Deus. 
Esta comunidade é a Igreja.
A tua oração, 
mesmo que não te dês conta disso, 
une-se à de milhões que invocam o nome do Senhor Jesus Cristo. 
Entra conscientemente nesta grande família dos filhos e filhas de Deus
e, em união com todos os teus irmãos e irmãs, 
dá início à tua oração.

 

Escuta esta passagem do Evangelho segundo São Lucas. [Ev Lc 12, 49-53]

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos:
«Eu vim trazer o fogo à terra
e que quero Eu senão que ele se acenda?
Tenho de receber um batismo
e estou ansioso até que ele se realize.
Pensais que Eu vim estabelecer a paz na terra?
Não. Eu vos digo que vim trazer a divisão.
A partir de agora, 
estarão cinco divididos numa casa:
três contra dois e dois contra três.
Estarão divididos o pai contra o filho e o filho contra o pai,
a mãe contra a filha e a filha contra a mãe,
a sogra contra a nora e a nora contra a sogra».

 

Pontos de oração

Jesus quer que o fogo de Deus se acenda. Podemos imaginar que é o fogo do Espírito Santo. É, com certeza, o fogo do amor.

Sentes o fogo do amor dentro de ti? O fogo de Deus? Como é que o fogo de Deus se traduz dentro de ti?

Ouve o Evangelho outra vez. Imagina o fogo do amor a ser ateado em toda a Terra.

 

Colóquio final

No final desta oração, expressa a Jesus a tua vontade de seres uma chama que ateia o fogo divino.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre. Ámen.