Segunda-feira da oitava da Páscoa

Hoje é dia vinte e oito de Março, segunda-feira da oitava da Páscoa.

A Oitava da Páscoa ajuda-te a colocar a ressurreição de Cristo no seu contexto: não é um acontecimento isolado, é um acontecimento que assume o tempo por inteiro e o transforma em tempo pascal, tempo de ressurreição.
Estes oito dias – uma semana completa – são o sinal mais forte daquele “cumpriu-se o tempo” que se escuta no início do Evangelho. O tempo cumpriu-se, chegou ao seu termo... Agora vives ressuscitado com Cristo, antecipando a eternidade. 
Dá graças por esta maravilha única na história do mundo e na tua história... e começa assim a tua oração.

 

 

Escuta esta passagem do Evangelho segundo São Mateus. [Ev Mt 28, 8-15]

Maria Madalena e a outra Maria,
que tinham ido ao túmulo do Senhor,
afastaram-se a toda a pressa, 
cheias de temor e de grande alegria,
e correram a levar aos discípulos a notícia da Ressurreição.
Entretanto, Jesus saiu ao seu encontro e saudou-as.
Elas aproximaram-se, abraçaram-Lhe os pés
e prostraram-se diante d’Ele.
Disse-lhes então Jesus: 
«Não temais. Ide avisar os meus irmãos que devem ir para a Galileia.
Lá Me verão».
Enquanto elas iam a caminho, 
alguns dos guardas foram à cidade
participar aos príncipes dos sacerdotes tudo o que tinha acontecido.
Estes reuniram-se com os anciãos
e, depois de terem deliberado,
deram aos soldados uma soma avultada de dinheiro,
com esta recomendação:
«Dizei:
‘Os discípulos vieram de noite roubá-Lo, enquanto nós estávamos a dormir’.
Se isto chegar aos ouvidos do governador,
nós o convenceremos e faremos que vos deixem em paz».
Eles receberam o dinheiro e fizeram como lhes tinham ensinado.
Foi este o boato que se divulgou entre os judeus,
até ao dia de hoje.

 

Pontos de oração

Maria Madalena e a outra Maria encontram-se com Jesus. Tu também te encontras com Ele de muitas maneiras. Ele vem ao teu encontro na tua oração e durante o teu dia e tu também vais ao seu encontro. 
Queres falar-Lhe dos teus encontros com Ele?

As duas mulheres vão anunciar a ressurreição de Jesus. Vão conscientes da grandeza da ocasião e muito contentes. 
Com a tua vida também podes anunciar a ressurreição de Jesus. Pergunta a Deus como.

Vais ouvir o Evangelho outra vez. Imagina a alegria das duas Marias ao saberem que Jesus tinha ressuscitado.

 

Colóquio final

Jesus diz às santas mulheres: “Não temais”. 
Tu tens temor na tua vida? Em que áreas? Queres pedir a Deus que se envolva nisso? Que te ajude com esse teu temor?

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre. Ámen.