Segunda-feira da Semana Santa

Hoje é dia dez de abril, segunda-feira da Semana Santa.

De Yumi Kurosawa, estás a escutar One Girl’s Story.

A Semana Santa narra-nos a história
de um Servo, cuja voz não gritou nem se levantou
nem se fez ouvir nas praças;
não quebrou a cana fendida,
nem apagou a frágil torcida ainda fumegante,
mas proclamou sempre e fielmente a justiça.
Até ao fim. Até à entrega da sua vida.
E o mistério imenso de Deus revela-se
na fragilidade e no paradoxo deste relato.
Neste momento de oração que agora inicias,
une-te a Jesus, o Servo fiel;
e caminha com Ele, de mãos dadas, em direção à Páscoa.

 

Escuta esta passagem do Evangelho segundo São João. [Ev Jo 12, 1-12]

Seis dias antes da Páscoa,
Jesus foi a Betânia,
onde vivia Lázaro, que Ele tinha ressuscitado dos mortos.
Ofereceram-Lhe lá um jantar:
Marta andava a servir e Lázaro era um dos que estavam à mesa com Jesus.
Então Maria tomou uma libra de perfume de nardo puro, de alto preço,
ungiu os pés de Jesus e enxugou-Lhos com os cabelos;
e a casa encheu-se com o perfume do bálsamo.
Disse então Judas Iscariotes, um dos discípulos,
aquele que havia de entregar Jesus:
«Porque não se vendeu este perfume por trezentos denários,
para dar aos pobres?»
Disse isto, não porque se importava com os pobres,
mas porque era ladrão
e, tendo a bolsa comum, tirava o que nela se lançava.
Jesus respondeu-lhe: 
«Deixa-a em paz:
ela tinha guardado o perfume para o dia da minha sepultura.
Pobres, sempre os tereis convosco;
mas a Mim, nem sempre Me tereis».
Soube então grande número de judeus que Jesus Se encontrava ali
e vieram, não só por causa de Jesus,
mas também para verem Lázaro,
que Ele tinha ressuscitado dos mortos.
Entretanto, os príncipes dos sacerdotes resolveram matar também Lázaro,
porque muitos judeus, por causa dele, se afastavam e acreditavam em Jesus. 

 

Pontos de oração

Diz ao Senhor que queres ser como Maria: mostra-Lhe um afeto rendido e usa de uma generosidade que vá para além da medida. Tudo o que possas fazer para Lhe mostrar que O amas loucamente será sempre pouco para o que Ele fez por ti.

Diz ao Senhor que não queres ser como Judas: andou com Cristo e em seu nome pregou e fez milagres, mas não reservou o coração exclusivamente para Deus. Por isso, perdeu-se na ilusão da riqueza, fingindo preocupar-se com os pobres.

Escuta de novo esta passagem de S. João. Repara como não há oposição entre o culto a Deus e o serviço aos pobres.

 

Colóquio final

Lázaro era um simples amigo do Senhor, mas também decidiram matá-lo. Tu, que vives cada dia na amizade de Jesus, não estranhes se alguma vez tiveres de sofrer por causa do seu nome.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre. Ámen.