Solenidade de Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo

Hoje a Igreja celebra a solenidade de Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo.

Este domingo encerra o ano litúrgico.
Pode ser também o final de mais uma etapa na tua vida de oração.
Olha por momentos para o caminho que fizeste.
Recorda as graças que o Senhor te concedeu,
as vezes que sentiste a sua presença mais próxima e mais amiga.
Recorda, agradece e repousa no coração deste Senhor do Universo,
que te ama como se não existisse mais ninguém.
Começa assim a tua oração.

Quantas vezes olhas à tua volta e o mundo parece mergulhar no caos. Há momentos em que a história da humanidade, como a tua vida, é fustigada por tempestades pavorosas. Porém, o salmista assegura-nos: O Senhor é Rei e firmou o universo, que não vacilará.

[Salmo 92 (93)]

O Senhor é rei,
revestiu-Se de majestade,
revestiu-Se e cingiu-Se de poder.
Firmou o universo, que não vacilará.

É firme o vosso trono desde sempre,
Vós existis desde toda a eternidade.
Os vossos testemunhos são dignos de toda a fé,
a santidade habita na vossa casa,
por todo o sempre.

O Senhor é rei, / revestiu-Se de majestade, / revestiu-Se e cingiu-Se de poder.
Deus reina sustendo toda a criação e dominando os eventos da história. A sua realeza manifesta-se ao defender o mundo do caos.
Com confiança, dando voz ao coração, diz-lhe: "Senhor, ensina-me a confiar em Ti no meio das tempestades".

Os vossos testemunhos são dignos de toda a fé, / a santidade habita na vossa casa / por todo o sempre.
O nosso Deus não é um Deus distante. Um imperador impassível. Ele está no meio de nós. Caminha connosco. O trono de Deus, a sua casa, é o lugar onde Ele habita. Prepara o teu coração para ser esse lugar.

Escuta de novo o salmo. Deixa que a mente dê espaço à voz confiada e serena do coração habitado por Deus. Sente o ecoar das palavras:
Firmou o universo, que não vacilará. / É firme o vosso trono desde sempre.

Terminou um ano litúrgico. É tempo de fazer um balanço. Agradecer ao Senhor, pedir-Lhe perdão, recordar momentos concretos. Interroga-te sobre quem tem sido o teu rei. Quem reina no teu coração?

Pai nosso que estais nos céus
santificado seja o vosso nome
venha a nós o vosso Reino
seja feita a vossa vontade
assim na terra como no Céu.
O pão nosso de cada dia nos dai hoje
perdoai-nos as nossas ofensas
assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido
e não nos deixeis cair em tentação
mas livrai-nos do mal.