Terça-feira da vigésima quinta semana do Tempo Comum

Hoje é dia vinte e seis de setembro, terça-feira da vigésima quinta semana do Tempo Comum.

Vais começar a tua oração. 
Provavelmente, 
sentes o desejo de um pouco de paz, 
para te encontrares com o teu amigo Jesus, 
escutares a sua palavra
e aprenderes com Ele os caminhos de uma vida feliz e realizada.
Seja qual for a tua situação, 
sejam quais forem os teus sentimentos, 
coloca tudo isso diante de Deus, 
para que tudo seja parte da tua oração.

 

Escuta esta passagem do Evangelho segundo São Lucas. [Ev Lc 8, 19-21]

Vieram ter com Jesus sua Mãe e seus irmãos,
mas não podiam chegar junto d’Ele por causa da multidão.
Então disseram-Lhe:
«Tua Mãe e teus irmãos estão lá fora e querem ver-Te».
Mas Jesus respondeu-lhes:
«Minha mãe e meus irmãos
são aqueles que ouvem a palavra de Deus
e a põem em prática». 

 

Pontos de oração

A atitude de Jesus para com a sua família pode deixar-nos inquietos. Mas há que ter em conta que Lucas coloca este episódio como conclusão de um discurso sobre a importância da Palavra. O objetivo é tornar claro o que foi dito, aplicando a uma situação que permita perceber esse contraste.

Jesus não renega os seus laços familiares, antes os eleva a um novo patamar, bem para lá da ligação biológica. A família e a fraternidade ganham um novo significado. Ouvir a Palavra de Deus e pô-la em prática passa a ser o 'passaporte' da cidadania no reino de Deus.

Conforme ouves de novo o Evangelho, tenta imaginar a estupefação de quem ouviu a resposta de Jesus.

 

Colóquio final

Pede ao Senhor a graça de te tornares cada vez mais um evangelho vivo.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre. Ámen.