Terça-feira, festa de São Marcos, evangelista

Hoje é dia vinte e cinco de abril, terça-feira, festa de São Marcos, evangelista.

Hoje, a Igreja celebra a festa do evangelista Marcos,
o primeiro a entregar-se à missão
de confiar por escrito a Boa Nova de Jesus.
Sempre que, na tua vida,
sentires a dispersão das dúvidas e das incertezas,
recorre a este texto, a este Evangelho
límpido, fresco, pleno de novidade.
Que ele te conduza a um porto seguro,
ao centro da tua esperança.

 

Escuta esta passagem do Evangelho segundo São Marcos. [Ev Mc 16, 15-20]

Jesus apareceu aos onze Apóstolos e disse-lhes:
«Ide por todo o mundo
e pregai o Evangelho a toda a criatura.
Quem acreditar e for batizado será salvo;
mas quem não acreditar será condenado.
Eis os milagres que acompanharão os que acreditarem:
expulsarão os demónios em meu nome;
falarão novas línguas;
se pegarem em serpentes ou beberem veneno,
não sofrerão nenhum mal;
e quando impuserem as mãos sobre os doentes,
eles ficarão curados».
E assim o Senhor Jesus, depois de ter falado com eles,
foi elevado ao Céu e sentou-Se à direita de Deus.
Eles partiram a pregar por toda a parte
e o Senhor cooperava com eles,
confirmando a sua palavra
com os milagres que a acompanhavam. 

 

Pontos de oração

A despedida de Jesus não O afasta de nós. Antes pelo contrário. Os Apóstolos são enviados para anunciar a Alegria do Evangelho. Jesus vai com eles. Permanece vivo na Palavra e nos sinais que a acompanham. Vives em missão?

Ser evangelista é sair dos limites, arrasar fronteiras, chegar a todas as periferias, onde se encontram os pobres e marginalizados. Dar testemunho, em escritos, palavras e obras, da coerência integral do teu amor por Jesus. Vives n’Ele?

Abre os teus horizontes às dimensões do mundo. Vais anunciar a alegria, construir a paz, lutar pela justiça. Proclamarás a missão de Jesus... Escuta de novo o Evangelho.

 

Colóquio final

Os “milagres” acontecem cada dia. Talvez passem despercebidos aos teus olhos. Para. Faz silêncio. Reza. Verás à tua volta e em ti as maravilhas de Deus. 

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre. Ámen.